quinta-feira, 23 de outubro de 2014

coluna de Oydema Ferreira - Jornal Folha do Estado

QUARTA-FEIRA, 15 DE OUTUBRO DE 2014
Oydema Ferreira
40 anos de jornalismo, ética e integridade


Gil Mário...
Gerado aqui, nascido em Salvador e residente em Feira de Santana,é um talento das artes feirenses, um artista plástico inovador com estilo próprio, que se fez referência entre os melhores da nova geração da Bahia e, um nome que tende a ser nacional quiçá internacional.
Ama Feira de Santana e nela vive onde encontra inspiração para suas lindas telas. Dono de um curriculum invejável continua simples,humano e grande homem.
Neto do saudoso Áureo de Oliveira Filho, ex-deputado estadual e fundador do extinto Colégio Santanópolis. Gil Mário é descendente de uma família rica de valores na história de Feira de Santana.
Falar sobre Gil Mário é confundir sua vida pessoal com seus pincéis, telas e criações e também, com obras de arte que compõem a paisagem feirense.
Gil Mário é um talento, uma pessoa especial e com Honra ao Mérito integra a galeria de “GENTE QUE BRILHA”, com muito brilho.

coluna de Oydema Ferreira, no Jornal Folha do Estado, 15 de outubro de 2014


sábado, 4 de outubro de 2014

Geração 2014


Homenagem a João Ubaldo Ribeiro

A heroína Maria da Fé, de “Viva o povo brasileiro”, por Gil Mário

“A arte é uma forma de conhecimento.”
“Quem peca é aquele que não faz o que foi criado para fazer.”
“– Povo do Arraial de Baiacu e de toda a terra de Vera Cruz! – disse o capitão, a voz agora clara e cristalina, um martelo de araponga retinindo por cima do rechinar da chuva e dos gritos de espanto abafados. – Estamos aqui para prestar a última homenagem a um que haverá de servir de exemplo a todos os que não curvam a cabeça à tirania, todos os que sonham com a liberdade, todos os que aprendem, na luta de cada dia, a respeitar seu próprio valor, todos os que dizem: abaixo o senhor e viva o povo! Viva o povo e a viva a liberdade!”
“[...] Maria da Fé, ali brotada por artes incompreensíveis, descasulada das vestes de um capitão mal-encarado como uma borboleta triunfante [...]”
João Ubaldo Ribeiro, em Viva o povo brasileiro.

Gil Mário mantém seu atelier na cidade de Feira de Santana, onde exerceu a função de Professor Titular da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) e dirigiu o Museu Regional de Arte de Feira de Santana. Além da Especialização em Artes Visuais: Cultura e Criação constam do seu currículo 106 exposições coletivas e 26 individuais nos principais centros culturais do país. São 40 anos de atividade artística comemorados em 2014, com exposição individual na Galeria de Arte Jenner Augusto, em Aracaju, Sergipe.


domingo, 27 de abril de 2014

Gil Mário expõe “Florestabilidade” em Aracaju








A Galeria de Arte Jenner Augusto, da Sociedade Semear, em Aracaju, abre sua temporada de exposições do ano de 2014, apresentado um conjunto de obras do artista visual baiano Gil Mário. O vernissage ocorre no dia 6 de maio.

A exposição é composta de onze trabalhos em acrílica sobre tela nas dimensões 100 x 100 cm e dez infogravuras sobre placa de PVC. A curadoria da mostra é de Ligia Motta, com coordenação geral de Cita Domingos.

O conjunto da obra é denominado de “Florestabilidade”. O tema predominante é inspirado na flora e na fauna brasileira e foi desenvolvido com a técnica da abstração formal, demonstrando que “podemos utilizar as florestas e matas, sem, contudo, agredirmos a natureza”, como considera o artista. Este conceito conservacionista permite ao artista conciliar o belo, os cuidados com a ecologia e economia, ao estimular a exploração sustentável.

Gil Mário comemora 40 anos de exposições registrando em seu currículo 24 individuais, 106 coletivas nas principais galerias do país. Sua formação acadêmica vem da Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (Ufba). Ele é pós-graduado em Artes Visuais - Cultura e Criação. Desta forma, vem desenvolvendo sua produção artística de maneira contemporânea e estilo próprio, que  caracterizam sua trajetória ao longo de quatro décadas.

São os trabalhos deste artista que a Galeria de Arte Jenner Augusto disponibiliza para visitação dos admiradores das artes visuais no período de 6 de maio a 7 de junho de 2014.

A Galeria é localizada na rua Leonardo Leite, 148, São José, Aracaju-SE. Informações pelo telefone (79)32145800 ou e-mail sociedadesemear@infonet.com.br.

O artista Gil Mario de Oliveira Menezes mantém para pesquisa e maiores informações blog no endereço gilmarioom.blogspot.com .


sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Uma das minhas últimas esculturas vocação primária. Volto com grande emoção a esta criação.




Livro "Cinema Demais" de Dimas Oliveira


Projeto da capa do livro “Cinema Demais” do jornalista Dimas Oliveira que será lançado no mercado no inicio de 2014.
Sinto-me honrado pelo convite de Dimas para ilustrar importante histórico do cinema em Feira de Santana com registros desde o Cine Iris até áureos tempos do Cine Santanópolis.
Ricas lembranças das matinées nas tardes de segundas-feiras.
O livro reúne pouco mais de 50 colunas contidas em um álbum de recortes envelhecidos e atualizados para transformar neste excepcional livro de Dimas. Aguardamos ansiosos a publicação e o lançamento dos primeiros exemplares.